Buscar

Temporada 2020 de Furacões deve ser acima do normal


Imagem: NASA


De acordo com meteorologistas do Centro de Previsões Climáticas da NOAA, órgão do Serviço Meteorológico Nacional (NWS, na sigla em inglês), a temporada 2020 de Furacões nos EUA tem 60% de chance de ser acima do normal, com até 19 tempestades nomeadas (aquelas onde os ventos sustentados superam os 62 km/h), das quais de 3 à 6 devem se tornar furacões mais intensos, de categorias 3, 4 ou 5 (com ventos sustentados de 178 km/h ou mais fortes).

A probabilidade de ocorrência dessa temporada acima do normal é de 60%. Já a probabilidade de uma temporada normal é de 30% e uma temporada abaixo do normal é de 10%. O grau de confiança dessas predições é de 70%, segundo a NOAA. Vale lembrar que uma temporada de furacões normal produz em média 12 tempestades nomeadas, das quais 6 se tornam furacões.

Além da combinação dos fatores climáticos severos indicando um aumento forte da atividade no Atlântico esse ano,, tudo indica para a ocorrência neutra do El Niño ou até mesmo a ocorrência da La Niña. O que suprime a atividade no Atlântico Norte e a formação de tempestades intensas é o El Niño. Além disso, temperaturas mais altas que a média da superfície do mar no Oceano Atlântico tropical e no Mar do Caribe, juntamente com a redução do cisalhamento vertical do vento, ventos mais fracos do Atlântico tropical e uma monção da África Ocidental aprimorada, aumentam a probabilidade de uma temporada de furacões no Atlântico acima do normal . Condições similares vêm produzindo estações mais ativas desde o início da atual era de alta atividade, em 1995.


Fonte: NOAA

253 visualizações
Mais Soluções - Corretora de Seguros
Mais Soluções - Corretora de Seguros

Conexão Geoclima © 2013 – 2020.

Todos os direitos reservados.