Buscar

HÁ 51 ANOS ATRÁS O HOMEM PISAVA NA LUA PELA PRIMEIRA VEZ


A bordo do imenso foguete americano Saturn V, os astronautas decolaram do Centro Espacial Kennedy, em Cabo Canaveral, na manhã do dia 16 de Julho de 1969. Cerca de 12 minutos após o lançamento, o foguete já havia entrado na órbita da Terra. Depois de completar uma órbita e meia ao redor do planeta, a nave seguiu em direção à Lua.

Às 23h56 (BRT), daquele 20 de Julho de 1969, Neil Armstrong colocou seu pé esquerdo na Lua. Foi a primeira vez na história que um homem colocou suas pegadas em algo que não existe ou não se originou da Terra. Pelo rádio, Armstrong proclamava a célebre frase:


"Um pequeno passo para um homem, um grande salto para a humanidade".


Buzz Aldrin, aguardou alguns minutos dentro do módulo lunar, tirando fotografias. Sua descida até a superfície lunar foi registrada por Armstrong.

Sequência de imagens registradas por Armstrong mostra a descida de Aldrin. Fonte: NASA


Aldrin e Armstrong continuaram a exploração do terreno lunar nas proximidades do módulo lunar, coletando amostras e posicionando experimentos científicos durante um total de duas horas e trinta e um minutos. Após a caminhada na Lua e a execução de todas as atividades

que haviam sido planejadas, Armstrong e Aldrin retornaram para o módulo lunar Eagle e descansaram por algumas horas antes do procedimento que ia tirar eles da superfície lunar e reacoplar o módulo ao Columbia, que continuava orbitando em torno da Lua, com Michael Collins no comando. A Apollo 11 então retornou à Terra no dia 24 de Julho, fazendo seu suave mergulho no Oceano Pacífico.


A histórica missão Apolo 11 foi acompanhada ao vivo, pela televisão, via transmissão de satélite, uma inovação na época. A NASA, calcula que quase 1 bilhão de pessoas ao redor do mundo assistiram os primeiros passos dos astronautas. Foi a maior audiência televisiva da época e os astronautas viraram celebridades mundiais.

O desembarque de pessoas na Lua não somente foi um marco histórico na ciência e na sociedade como um todo, como também marcou o fim da Corrida Espacial na Guerra Fria, com outras missões Apollo até 1972, quando o programa foi encerrado.


Àquela época, pousar na Lua já não era mais uma novidade tão interessante aos olhos do público geral, e o país decidiu realocar seus investimentos para outros programas espaciais da NASA, iniciando, então, a exploração de outras partes do Sistema Solar.


A NASA nunca mais levou humanos para lá, desde 1972, mas agora tem em vista o projeto Artemis, que deve retornar com pessoas ao nosso satélite natural em 2024.

88 visualizações
Mais Soluções - Corretora de Seguros
Mais Soluções - Corretora de Seguros

Conexão Geoclima © 2013 – 2020.

Todos os direitos reservados.